Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
MObfloripa | Guia

PLAMUS

FITZZ | e-bikes

Everbike

MIX Rocha


5 cidades americanas boas para pedestres



Algumas cidades são tão bem planejadas e administradas que não precisam de carros.


Denver mudou muito em 20 anos, tornando-se uma das melhores cidades para pedestres.  Boston tem um dos sistemas de transporte mais antigos, mas muito eficiente. 

Data:

12/10/2011

Fonte:

Portal Como tudo Funciona

Fonte da imagem:

Portal Como tudo Funciona

TAGs:

mbilidade urbana, pedestrismo, walkscore

Editoria:

Pedestre


Atualização: 12/10/2011



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* XII Conferência Internacional da Walk21 acontecerá em Vancouver, Canadá



* Pessoas que moram em bairros "caminháveis" são mais felizes, diz pesquisa



* Times Square, Nova York: adeus carros, alô pedestres



* Inscrições abertas para a Maratona de Santa Catarina



* 5 cidades americanas boas para pedestres





Carros são uma grande parte da cultura americana: em média, uma casa americana tem 2,2 carros, 10% a mais do que o começo dos anos 1990 e 70% a mais desde 1955. Faz sentido, já que o panorama suburbano aumentou bastante desde os anos 50. Dos 60 bilhões de dólares que o Congresso gasta todos os anos em transportes, apenas 1,5% (cerca de 3 dólares por americano) vai para projetos ciclísticos ou de pedestres [fonte: Walk Score]. Parece que carros e estradas são prioridade. Algumas cidades dos Estados Unidos, no entanto, apostam em outra tendência.

A Brookings Institution, uma organização sem fins lucrativos de políticas públicas e pesquisas, recentemente avaliou 30 cidades americanas e sua capacidade para pedestres. O Walk Score também pesquisou e classificou 40 cidades baseadas em suas preocupações com os pedestres. O conceito não avalia só as calçadas das cidades. Claro, isso facilita, mas pense bem: se não há empregos locais, lojas ou entretenimento, ou se o índice de criminalidade é alto, as pessoas vão evitar colocar os sapatos no asfalto. O layout da cidade é apenas o começo. Cidades de pedestres adotam ideias sustentáveis do Novo Urbanismo: empreendimentos de uso misto, planejamento urbano de alta densidade e um centro que seja desenhado para o trânsito (de transporte público, carros, bicicletas e pedestres).

Vamos ver cinco grandes áreas metropolitanas que estão um passo à frente de outras cidades americanas.

Denver

Denver pode não ficar no topo do ranking do Walk Score - ficou com 66 pontos de 100 - mas está chegando lá. Até o começo dos anos 1980, Denver não tinha nenhum lugar urbano regional apto para pedestres, o que significa que o centro da cidade era estritamente profissional e não atraía as pessoas com uma mistura de moradia, empregos, comércio e entretenimento. Hoje a cidade tem quatro áreas com 90 pontos ou mais no ranking de pedestres, incluindo Cherry Creek, Capitol Hill, Golden Triangle e Lodo. 43% dos habitantes de Denver moram numa área com 70 pontos ou mais, e apenas 19% moram em áreas dependentes de carros [fonte: Walk Score].

Como a cidade faz tudo isso acontecer? Denver é um exemplo de como um sistema abrangente de transporte público pode mudar o panorama de uma cidade. Lugares urbanos para pedestres estão se expandindo, assim como o sistema de trens da cidade.

Clique aqui para saber sobre Boston.
Clique aqui para saber sobre Nova York.
Clique aqui para saber sobre Washington, D.C..
Clique aqui para saber sobre São Francisco.



Leia esta matéria direto da fonte -> Portal Como tudo Funciona