Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
PLAMUS

FITZZ | e-bikes

MIX Rocha

MObfloripa | Guia

Everbike


Guardas Civis com bicicletas vão garantir mais segurança nas ciclovias



De acordo com o prefeito Fernando Haddad, a ideia é ter dois ou três guardas por quilômetro de ciclovia implantada




Data:

08/09/2014

Fonte:

Diário do Turismo

Fonte da imagem:

Diário do Turismo | Divulgação

TAGs:

Bicicletas, Guarda Civil, Lei , São Paulo

Editoria:

Ciclovias


Atualização: 08/09/2014



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* Projeto de ciclovia na Lagoa da Conceição recebe licença ambiental da Fatma



* Movimentos pró-bike lutam por melhor infraestrutura cicloviária em Florianópolis



* Ciclovias Amigas



* Guardas Civis com bicicletas vão garantir mais segurança nas ciclovias



* Nova Iorque mostra que ciclovias protegidas são realmente um avanço





A Prefeitura de São Paulo colocará agentes da Guarda Civil Metropolitana (GCM) para monitorar as novas ciclovias por meio de rondas em bicicletas, com o objetivo de garantir a segurança e orientar os usuários. De acordo com o prefeito Fernando Haddad, a ideia é ter dois ou três guardas por quilômetro de ciclovia implantada, totalizando até 1,2 mil homens quando o plano de 400 quilômetros estiver completamente implementado.



Segundo Haddad, a atuação será iniciada pela região central, onde a malha de ciclovias está mais avançada. “Estamos vendo na experiência internacional algumas cidades que colocam a guarda civil nas ciclovias não só para assegurar que as ciclovias sejam bem utilizadas, só pelos ciclistas, mas também fazer com que a ronda da cidade se faça na malha cicloviária. Com isso o guarda vai poder monitorar o que está acontecendo na cidade, o comércio local, ou orientar uma pessoa de forma mais ágil”, afirmou o prefeito.



Segunda etapa



Na segunda etapa do projeto, com base na Lei nº 13.022/2014 de 8 de agosto de 2014, que é o Estatuto Geral das Guardas Municipais e amplia as atribuições dos agentes, sancionada pela Presidente Dilma Rousseff neste mês, eles farão também a fiscalização nas vias. Após a celebração de um convênio entre a GCM e a Secretaria Municipal de Transportes, os guardas passarão por capacitação na Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e poderão aplicar multas aos motoristas que não respeitarem as ciclovias.



“Os guardas civis vão passar a multar. Isso já tem autorização legal mas nunca foi implementado, dependia de um convênio que nunca foi feito”, disse Haddad. “Esse é um processo de mudança de cultura. Se as pessoas forem para a rua, se apropriarem do espaço público, melhora o comércio de rua, melhora a segurança, vão exigir mais iluminação e asfalto. Tudo passa a ser consequência da presença delas. Se estão dentro de casa, não se apropriam, acontece o contrário disso”, afirmou Haddad.



No Parque Ibirapuera, a experiência de guardas fazendo rondas em bicicletas já é realidade. “Aqui nós dobramos o efetivo, tanto é que o número de furtos caiu a zero no parque”, disse o prefeito. “Já temos algumas [bicicletas], mas teremos que ampliar. Teremos que fazer novas aquisições, mas é algo barato”, afirmou.



SP 400 km



A Prefeitura vai implementar 400 quilômetros de ciclovias até o final de 2015. Esta é a Meta 97, do Programa de Metas, que será realizada a partir do projeto SP 400km. A cidade de São Paulo receberá 30,6 quilômetros de ciclovias até o fim de agosto. Neste anoa capital já ganhou 11,6 quilômetros, e a meta é fechar 2014 com 200 quilômetros implementados. Atualmente, a cidade conta com 82,41 quilômetros de vias segregadas exclusivamente para o deslocamento de ciclistas



Acesse essa notícia direto da fonte