Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
MIX Rocha

PLAMUS

MObfloripa | Guia

Everbike

FITZZ | e-bikes


PMF | Semáforos: implantação já chegou a 85% do previsto







Data:

22/04/2016

Fonte:

Prefeitura de Florianópolis

Fonte da imagem:

Recorte digital de pmf.sc.gov.br

TAGs:

sinalização, semáforos, pedestres, segurança viária, motoristas, congestionamentos

Editoria:

Trânsito


Atualização: 22/04/2016



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* Trânsito do Centro da Capital sofre alterações nesta segunda quinzena de outubro.



* Código de trânsito pode ficar mais severo



* Experimente fazer o teste de mitos do trânsito proposto pelo G1



* TRÂNSITO: Novembro tem curso do DENATRAN em São José



* TRÂNSITO: Prefeitura discute com entidades a revitalização da Edu Vieira





Novo sistema pode ser corrigido a distância e alterar tempo de abertura do sinal



O diretor de Operações de Trânsito da Secretaria de Segurança e Gestão do Trânsito, Leandro Marques, informou nesta quarta-feira (20) que a segunda etapa do projeto de implantação do novo sistema de semáforos da capital já está perto do fim. Dentro de no máximo dez dias, segundo ele, começa a fase do projeto que consiste no ajuste dos tempos e sincronização dos equipamentos. No total, 85% do projeto já estão concluídos.



Nesta semana, técnicos estão trabalhando nos primeiros ajustes dos 134 cruzamentos dotados de semáforos que serão controlados automaticamente, com prioridade de trânsito, em determinados horários e com perfeita sincronização, para as vias de maior movimento. A principal vantagem do novo sistema será que, além de monitorado, ele pode ser corrigido a distância.



Com a nova central, a maior parte das panes pode ser sanada da própria sala de controle. Também on-line, será possível alterar o tempo dos semáforos para adequá-lo a determinado evento, como a passagem de um comboio, por exemplo.



Leandro Marques destacou que, “no momento, os problemas nos semáforos vêm ocorrendo por causa das mudanças na forma como a sincronização é coordenada” e que, por isso, foi necessário “reforçar as equipes da Secretaria e da Guarda Municipal, que estão trabalhando para minimizar os impactos à população”. 



Entenda como irá funcionar



- A empresa especializada em tecnologia que venceu a licitação, a Dataprom, irá instalar 134 sistemas de controle de trânsito, espalhados em áreas estratégicas da cidade. O mesmo utilizado em grandes metrópoles, como Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro.



- Estes sistemas ficam dentro de caixas no solo e não são percebidos pelos motoristas. Elas funcionam como CPU´s de computadores, onde softwares de última geração irão controlar 630 semáforos da cidade.



- Em uma sala, na rua Deodoro, ficará a central de monitoramento. Lá, seis telas em LED (chamadas tecnicamente de videowall – pois possuem tecnologia superior às de televisão) irão funcionar como 'telas de computador', das 134 'CPU´s' espalhadas pela cidade.



- Nas telas, estarão todos os 630 semáforos da cidade, enviando informações em tempo real sobre o trânsito, dia e noite. Com apenas um clique, os agentes de trânsito poderão alterar a sincronia de um semáforo, fazendo o trânsito fluir na direção que for necessário.



- Os motoristas que estiverem em congestionamentos (em vias municipais) poderão interagir com os agentes pelo número 153 da Guarda Municipal – relatando problemas ou filas fora do comum.



O que este software pode fazer



- monitora o fluxo da via;



- determina planos específicos de acionamento em horários determinados;



- estabelece pedidos de mudança de planos de via;



- como a mudança é em tempo real, o maior benefício é a fluidez no trânsito, evitando congestionamentos.



Custo e cronograma de instalação



Investimento: R$ 5,5 milhões



Início da instalação: janeiro de 2016



Término: maio de 2016



Acesse essa notícia direto da fonte...