Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
MIX Rocha

MObfloripa | Guia

PLAMUS

FITZZ | e-bikes

Everbike


Mobilize | Futuro promissor para o VLT, avalia estudo







Data:

21/07/2016

Fonte:

Mobilize Brasil

Fonte da imagem:

Recorte digital de mobilize.org.br

TAGs:

VLT, metrôs, trens, BRT

Editoria:

Transportes


Atualização: 21/07/2016



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* Maciço do Morro da Cruz poderá receber Transporte Funicular



* Estudante da UFRGS cria site com rotas de ônibus de Porto Alegre



* Ministério dos Transportes e DNIT preparados para emergências no período das chuvas



* Florianópolis deve facilitar o acesso às informações sobre o transporte público



* Futuro da mobilidade paulista passa por trilhos





Operando em 53 países e em obras em 80 cidades, o Veículo Leve sobre Trilhos é, diz a associação UITP, um modal em expansão, que não polui nem agride a paisagem urbana



A UITP (International Association of Public Transport) divulgou esta semana um estudo que enxerga o mercado global de VLT como um futuro muito promissor. De acordo com a associação, 80 cidades no mundo estão construindo a sua primeira linha, inclusive no Brasil.

 

As linhas de VLT podem ser encontradas em 53 países diferentes e, juntas, transportam 45 milhões de pessoas por dia em 388 cidades. A UITP afirma que este modal é o ideal para cidades de médio porte que possuem entre 200 a 600 mil habitantes, mas também pode ser utilizado como alimentador de sistemas de maior capacidade, como metrôs e trens de subúrbio, nas grandes metrópoles.



Características técnicas

A composição do VLT possui entre 22 a 60 metros de comprimento, o que torna o modal um bom intermediário para o deslocamento de 3 mil a 11 mil passageiros hora/sentido. Somente sistemas como o metrô, o trem de subúrbio e, em raros casos, o Bus Rapid Transit (BRT) oferece capacidade similar ou maior.



Continue lendo esta notícia direto da fonte...