Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
PLAMUS

MIX Rocha

FITZZ | e-bikes

Everbike

MObfloripa | Guia


FloripAmanhã | Arte na Faixa coloriu faixas de pedestres em Florianópolis







Data:

11/08/2016

Fonte:

FloripAmanhã

Fonte da imagem:

Divulgação

TAGs:

trânsito, segurança viária, arte na faixa, Florianópolis, faixa de pedestre

Editoria:

Pedestres


Atualização: 11/08/2016



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* Inscrições abertas para a Maratona de Santa Catarina



* Falta de passarela na SC-401, em Florianópolis, é pesadelo para moradores da região



* RS: Motorista repete estupidez do atropelador de ciclistas em Porto Alegre



* Após campanha, morte de pedestre cai 37% em São Paulo



* Modelo de faixa de pedestre inspirado nas de Londres está em fase de teste





O projeto ‘Arte na faixa – arte para uma uma vida melhor’, coloriu mais 11 faixas de pedestres em Florianópolis no último fim de semana, dias 6 e 7 de agosto, deixando um legado para Florianópolis: sinalizações de segurança mais coloridas e atraentes.



O objetivo do projeto, inédito na Ilha de Santa Catarina, foi conscientizar motoristas e pedestres em relação ao uso correto da faixa de pedestre. Para isso, artistas plásticos e graffiteiros novatos e experientes – residentes em Florianópolis – coloriram diversos pontos da capital, no Norte, Sul, região Central e Continental.



Devido ao mau tempo, duas faixas ainda serão pintadas em outra oportunidade: em frente ao Parque de Coqueiros, que será customizada pelo artista Luciano Martins, e outra em frente à Elase (Associação de Empregados da Eletrosul), no bairro Pantanal, que receberá os traços de Wagner Wagz.



“Somente com educação e mobilização social, podemos atingir um nível de cordialidade e respeito que desejamos para nossa Floripa”, salienta Rafael Daux, diretor do Majestic Palace Hotel, apoiador cultural do Arte na Faixa.



Paralelamente, o artista e dançarino de breaking (elemento da cultura hip-hop), Wagner Wagz, ensinou graffiti às crianças do projeto Transforma da ONG Grupo de Trabalho Comunitário Catarinense. “Foi muito emocionante ensinar algo que já faz parte do cotidiano das crianças e aproximá-las de algo legal como a arte”, ressalta Wagz, que iniciou no graffiti quando tinha apenas 17 anos. Essas mesmas crianças ainda irão pintar a faixa de pedestres em frente à Elase junto do artista.



O projeto Arte na Faixa – Arte para uma Vida Melhor cultural foi viabilizado pela Lei Municipal de Incentivo à Cultura Franklin Cascaes e teve como curador o artista plásticos e graffiteiro, Rodrigo Rizo. As imagens do Arte na Faixa podem ser acessadas pelo Instagram e Fanpage.



Acesse essa notícia direto da fonte...