Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
MIX Rocha

PLAMUS

Everbike

MObfloripa | Guia

FITZZ | e-bikes


Revista Bicicleta | Estudantes desenvolvem sistema de segurança para bicicletas







Data:

13/09/2016

Fonte:

Revista Bicicleta

Fonte da imagem:

Divulgação

TAGs:

veículos, transportes, segurança, bike

Editoria:

Bicicletas


Atualização: 13/09/2016



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* Magrelas, gratuitas e eficientes em Brasília



* Bicicletas podem garantir mais segurança no trânsito em Florianópolis



* O futuro do transporte está nas bicicletas?



* Novas "highways" para bicicletas fazem sucesso em Londres



* Bicicleta: o meio de transporte do futuro





Cada vez mais comum nos grandes centros, as bicicletas são um veículo de transporte caracterizado pelo baixo custo de manutenção e por possibilitarem boa prática esportiva. Com o crescimento do uso das bikes, alunos da Escola Estadual João Rodrigues da Silva, em Prudente de Morais, vêm desenvolvendo um projeto que visa à segurança e ao bem-estar dos ciclistas.



Com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), o projeto Nossa Bike vem sendo desenvolvido a aproximadamente um ano. Ele faz parte do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica Júnior (BIC-Jr), que tem o objetivo de despertar em estudantes do Ensino Fundamental, Médio e de Educação Profissional da Rede Pública a vocação científica para a pesquisa, concedendo bolsas para participarem de projetos/atividades de pesquisa ou de extensão científica, tecnológica ou de inovação.



Criado por alunos de 17 anos, o projeto implantou diferentes sensores em bicicletas, como, por exemplo, os sensores de impacto, que enviam um comunicado aos cadastros previamente definidos em seu sistema, avisando de um eventual acidente a equipes de resgate, familiares, entre outros. Também faz parte do projeto os coletes iluminados por leds que é acionado ao pedalar e que transforma a energia cinética do movimento do ciclista em energia elétrica. Essa energia é responsável pelo acendimento dos leds do colete. Além disso, também vem sendo desenvolvida uma trava antifurto, para que o cidadão tenha mais segurança ao deixar a bicicleta parada em determinados locais.



Continue lendo esta notícia direto da fonte...