Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
FITZZ | e-bikes

MIX Rocha

Everbike

MObfloripa | Guia

PLAMUS


Arch Daily Brasil | A estratégia de Amsterdã para se adequar ao aumento do uso de bicicletas







Data:

18/10/2016

Fonte:

Arch Daily Brasil

Fonte da imagem:

Recorte digital de archdaily.com.br

TAGs:

ciclovias, infraestrutura, segurança viária, trânsito

Editoria:

Bicicletas


Atualização: 18/10/2016



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* Magrelas, gratuitas e eficientes em Brasília



* Bicicletas podem garantir mais segurança no trânsito em Florianópolis



* O futuro do transporte está nas bicicletas?



* Novas "highways" para bicicletas fazem sucesso em Londres



* Bicicleta: o meio de transporte do futuro





Em qualquer parte do mundo, Amsterdã é sinônimo de bicicletas. Esta rápida associação é explicada pelo crescimento de 40% no uso desse modal em pouco mais de 20 anos; além disso, diariamente, 58% de seus habitantes pedalam mais de 2 milhões de quilômetros, o que faz dela uma das cidades mais preparadas do mundo para o uso da bicicleta como meio de transporte urbano, segundo o Ranking Copenhaguenize 2015.



Com efeito, neste período a bicicleta se tornou o principal meio de transporte da cidade e, consequentemente, contribuiu para reduzir os acidades de trânsito e poluição atmosférica. Além disso, a integração entre diferentes modais de transporte foi fortalecida na cidade, com cada estação de trem contando com estacionamentos para bicicletas que, por vezes, ocupam um edifício inteiro.



No entanto, é justamente nestes lugares que a enorme quantidade de bicicletas se tornou um inconveniente, já que está cada vez mais difícil encontrar uma vaga para estacionar (um problema que seria bem vindo em muitas cidades, diga-se de passagem).



Continue lendo esta notícia direto da fonte...