Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
MIX Rocha

PLAMUS

Everbike

FITZZ | e-bikes

MObfloripa | Guia


Brasil e Portugal unidos pela mobilidade sustentável







Data:

03/11/2016

Fonte:

JE | Jornal Económico

Fonte da imagem:

Recorte digital de jornaleconomico.sapo.pt

TAGs:

carros elétricos, transportes, mobilidade urbana sustentável, Portugal, Brasil

Editoria:

Sustentabilidade


Atualização: 03/11/2016



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* COP 15 - Copenhagen vai disponibilizar bicicletas gratuitas para as delegações.



* SUSTENTABILIDADE: Impulse, o avião a energia solar, cruza a Suíça



* Sustentabilidade: Uma bicicleta que filtra água!



* Internacional: Oito lições estrangeiras para amadurecer o uso de veículos verdes



* Faltam 2 meses para a Hora do Planeta 2011





Projeto que utiliza carros elétricos para mobilidade urbana sustentável envolve Universidade do Minho e Universidade Federal de Minas Gerais.



O Governo de Portugal e representantes do estado brasileiro de Minas Gerais assinaram, ontem (02), um acordo de cooperação para a criação de um projeto de mobilidade urbana que prima pela utilização de carros elétricos. A cooperação técnica do projeto já tinha sido garantida em setembro deste ano.



“Este sistema de mobilidade representa um desafio para Portugal e imagino que também para o Brasil. Representa uma nova forma de pensarmos o futuro e a mobilidade sustentável”, disse hoje Manuel Heitor, ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, em declarações à Lusa.



O Estado de Minas Gerais planeia investir três milhões de reais, cerca de 830 mil euros, no projeto-piloto que elege motos, carros e autocarros elétricos para mobilidade urbana de funcionários dentro de uma área grande onde estão estabelecidas várias instituições públicas.



Quanto à participação de Portugal, será utilizado um sistema criado pelo Centro de Engenharia e Inovação (CEiiA) que ficará responsável pelo tráfego destes veículos, bem como pelo desenvolvimento de aplicações respeitantes à localização e eficiência do transporte.



Segundo Manuel Heitor, este tipo de projetos estão em experimentação tanto em Lisboa como no Porto e procuram responder à exigência de novas soluções para o transporte sustentável.



“Existem muitos projetos semelhantes no mundo, mas aqui não estamos a falar nem de Minas Gerais nem de Portugal. Estamos a falar de um projeto inovador à escala mundial. Este é o desafio”, continuou o ministro português.



A presidente da empresa controlada pelo do governo de Minas Gerais – a Axxiom – afirmou que o projeto terá início em dezembro e prevê que 25 veículos contribuam para a experienciação do sistema de mobilidade. “Estamos empenhados neste projeto, não só porque ele vai ao encontro de uma visão de futuro associada ao uso da tecnologia, mas também porque temos uma nova visão de política pública. O estado [de Minas Gerais] cria a partir deste projeto-piloto um ambiente e uma possibilidade de estabelecer políticas e diretrizes públicas ligadas à sustentabilidade que ainda não existem no Brasil”, disse Fabiana Santos, presidente da Axxiom.



Acesse essa notícia direto da fonte...