Busca por Ônibus em Florianópolis



 Buscar  
 Buscar

Parceiros:


  
PLAMUS

MObfloripa | Guia

Everbike

MIX Rocha

FITZZ | e-bikes


PMF | Reunião aberta debate aplicativos de transporte







Data:

28/11/2016

Fonte:

Prefeitura de Florianópolis

Fonte da imagem:

Recorte digital de pmf.sc.gov.br

TAGs:

táxi, aplicativos, Florianópolis, mobilidade urbana, OAB

Editoria:

Transportes


Atualização: 28/11/2016



 

imprimir artigo



 

enviar por e-mail



Share/Bookmark

Leia também...

* Maciço do Morro da Cruz poderá receber Transporte Funicular



* Estudante da UFRGS cria site com rotas de ônibus de Porto Alegre



* Ministério dos Transportes e DNIT preparados para emergências no período das chuvas



* Florianópolis deve facilitar o acesso às informações sobre o transporte público



* Futuro da mobilidade paulista passa por trilhos





Objetivo do comitê é ouvir a opinião da sociedade sobre os critérios de regulamentação para atuação neste novo modelo



Nesta sexta-feira (25), ocorreu reunião aberta ao público para debater a regulamentação dos aplicativos de serviço de transporte privado e individual de passageiros. Promovido pelo comitê instituído por meio do Decreto 16.772, a comissão irá apresentar um modelo de regulamentação para esse tipo de serviço ao final dos trabalhos.



Antonio de Arruda Lima, presidente da comissão de transportes e mobilidade urbana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) foi quem presidiu a reunião. Durante a audiência, 18 pessoas, entre taxistas, motoristas do serviço de turismo, representante do Instituto de Formação de Líderes e da Câmara de Vereadores, manifestaram suas opiniões.



Lima ressaltou que a OAB irá debater o assunto internamente e que mais tarde será levado ao comitê, do qual o representante faz parte. “Todas as contribuições foram registradas em ata para que tudo seja avaliado da melhor maneira possível”, finalizou.



De acordo com o secretário de mobilidade urbana, Vinicius Cofferri, a opinião das pessoas será levada em consideração. “Queremos ouvir a opinião dos cidadãos para construirmos juntos um modelo de regulamentação adequado a nossa cidade”, disse.



São membros do comitê executivo representantes da Secretaria de Mobilidade Urbana, da Procuradoria-Geral do Município, do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF), da Secretaria Municipal de Segurança e Gestão do Trânsito, do Conselho Municipal de Transporte, do trade turístico, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do Sindicato dos Taxistas (SINDITAXI), da Câmara Municipal, da equipe de transição do(a) próximo(a) prefeito(a), da Empresa Uber do Brasil Tecnologia Ltda. e do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina.



Acesse essa notícia direto da fonte...